Regras de ouro para o trabalho remoto

Enquanto escrevo esse post, calculo que fazem mais ou menos 5 anos que eu trabalho remoto. Nesse tempo, tive uma passagem de 1 ano por um emprego in loco, mas nunca deixei de tocar as minhas empresas em paralelo, atendendo os clientes, planejando e executando tudo que fosse necessário.

Trabalhando de casa ou de espaços de coworking, aprendi na prática muita coisa sobre como se relacionar com os clientes e fornecedores, como planejar, acompanhar e executar projetos, e sobre como se virar quando tudo dá errado, ou chega perto disso. Com a minha recente mudança para os Estados Unidos, trabalhar remoto ganhou um significado muito mais importante, porque se antes eu podia ir visitar o cliente ou dar um jeito de passar um dia ou dois por perto dele, essa alternativa não existe mais.

Somando tudo isso, achei que seria útil escrever um texto com algumas dicas de trabalho remoto, mas aí encontrei esse artigo do Diego Eis, no Tableless, e ele já falou tudo aqui, então aproveitem:
6 dicas para se dar bem em freelas e trabalhos remotos

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s